terça-feira, 30 de junho de 2009

Por você



Sonhei que podia voar
Acordei e pensei quero te levar
Imagino ser um rei de historias infantis
Se eu puder escrever a historia você será a rainha

Ah, se eu pudesse mergulhar bem fundo
Seguindo o seu canto, de sereia
Sempre quis ser invisível para poder fazer o que quisesse
Mas para você é inevitável só consigo ser real

Sendo um artista famoso não pintaria monalisa
Pintaria seu rosto no céu inteiro para que o mundo visse
Vou jogar na loteria e tentar ficar rico...
De duas uma ou te compro o mundo ou doou todo a caridade

Por que tudo isso...
Porque você me basta
Você preenche meus espaços
Você é um pedido que fiz e se realizou

Tendo outras idéias malucas, posso ficar louco
O que me importa? Desde que minha loucura seja só pensar em você
Ah, como queria ser um grande corredor
Iria aonde você estivesse amanhã... Mentira, hoje!

Tanto que quero ser...
Tanto que busco ser...
Tanto que desejo ser...
Tanto ser que quero ser

Hoje acho que tudo isso
Ao menos uma parte
É pra você

Um comentário:

Textos-Edenir Pedagogia disse...

Meus Parabéns!!!
Adorei!!!!!!!